A história da Associação Brasileira de Engenharia Automotiva – AEA faz parte da história da indústria automobilística brasileira e guarda uma intersecção com a história do etanol e seu uso como combustível, bem como sua relação com os engenheiros que dedicam suas carreiras ao estudo.

Em 1975, foi criado o Programa Nacional do Álcool (PROALCÓOL) cujo objetivo era de oferecer uma alternativa energética em substituição aos derivados de petróleo. Por se tratar de uma experiência de grande porte, única no mundo, a STI – Secretaria Tecnológica Industrial, com o apoio das montadoras de veículos, organizou o “I Simpósio Internacional de Engenharia Automotiva – SIMEA” em 1983, em Brasília-DF. Nesse I SIMEA, surgiu também, proposta pelo Governo, a ideia de criar uma entidade na qual partes que precisam se opor em negociações iriam se unir em busca do bem comum, do exercício da cidadania e da inclusão da sociedade, de forma mais ampla. Essa proposta foi encampada pela indústria, bem como pelos profissionais e pesquisadores relacionados ao setor.

Durante a realização do II SIMEA, em 1984, também em Brasília – DF, foi criada a Associação Brasileira de Engenharia Automotiva (AEA) com o objetivo de concentrar e difundir as informações de maneira independente, e indicar a necessidade de novos trabalhos para a consolidação do álcool combustível automotivo.

A partir do primeiro evento, o SIMEA recebeu um forte apoio das montadoras e cresceu não só em público como também em participação internacional. Essa atividade foi repassada para a recém-nascida AEA com a incumbência de preparar o simpósio seguinte, que foi realizado no IPT – Instituto de Pesquisas Tecnológicas, em São Paulo – SP.

A partir daí, ao longo destes 30 anos a AEA tem trabalhado para cumprir estes objetivos realizando encontros contínuos entre as partes envolvidas através da realização de comissões técnicas, grupos de trabalho, workshops cursos e eventos. Foram inúmeras comissões técnicas que definiram importantes diretrizes que serviram de base para regulamentações governamentais. Neste período a AEA realizou mais de 200 eventos de temas relacionados à engenharia automotiva como eletroeletrônica, segurança veicular, engenharia de combustíveis de lubrificantes, matriz energética, transportes e acordos internacionais, que já ultrapassaram mais de mil horas de palestras. Na área de cursos todos os treinamentos sempre foram voltados para temas específicos da engenharia automotiva, e já treinaram mais de 9.000 profissionais.

Hoje a AEA é a principal associação 100% nacional totalmente voltada para as questões de engenharia e tecnologia automotiva.

Histórico de Presidentes

Augusto Cézar Saldiva de Aguiar 1985/1986 526px" />
Wilson Carvalho 1987/1988
Nedo Eston de Eston 1989/1990
Augusto Cézar Saldiva de Aguiar 1991/1992
Luso Martorano Ventura 1993/1994
Claus Bromberg 1995/1996
Henry Joseph Junior 1997/1998
Henry Joseph Junior 1999/2000
José Edison Parro 2001/2002
Manuel Marcos Madureira 2003
Geraldo Negri Rangel 2003/2004
Marco Saltini 2005/2006
José Edison Parro 2007/2008
José Edison Parro 2009/2010
Franco Ciranni 2011
Antonio Carlos Botelho Megale 2011/2012
Antonio Carlos Botelho Megale 2013/2014

Clique aqui e confira detalhes sobre o início da AEA pelas palavras do primeiro Presidente, Dr Augusto Cezar Saldiva de Aguiar.